Agenda política (03/11 a 09/11)

calendário2013

2ª feira (3.nov.2014)

Ministério de Dilma – presidente Dilma Rousseff retorna a Brasília, após folga na Base Naval de Aratu, e articula a composição de seu novo ministério.

PT e Congresso – Executiva nacional do PT reúne-se em Brasília. Em pauta, balanço das eleições, dívidas de campanha, o segundo mandato de Dilma e a disputa pela Presidência da Câmara.

Balança comercial – Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior divulga os resultados da balança comercial do mês de outubro.

Indústria – Confederação Nacional da Indústria divulga os Indicadores Industriais de setembro. A pesquisa revela a evolução do faturamento, das horas trabalhadas na produção, do emprego, da remuneração paga aos trabalhadores e do nível de utilização da capacidade instalada na indústria.

Virgílio na TV – programa Roda Viva, da TV Cultura, entrevista Arthur Virgílio (PSDB), prefeito de Manaus.

Moradia em SP – data-limite estipulada pela construtora Viver, dona da área onde ocorreu a ocupação “Copa do Povo”, em SP, para receber pagamento mínimo de R$ 35 milhões pelo terreno.

3ª feira (4.nov.2014)

Dilma e PSD – presidente Dilma Rousseff deve receber líderes e representantes da bancada do PSD. O presidente do partido, Gilberto Kassab, é cotado para assumir o Ministério das Cidades. Às 11h, no Palácio da Alvorada.

Temer e congressistas – vice-presidente Michel Temer oferece jantar para deputados e senadores do PMDB. No Palácio do Jaburu.

Bancada do PSB – Carlos Siqueira, presidente do PSB, comanda reunião com os senadores da legenda, em Brasília.

Preço de combustíveis – Conselho da Petrobras discute o aumento dos preços da gasolina e do óleo diesel.

Auditoria nas urnas – ministro Dias Toffoli, presidente do Tribunal Superior Eleitoral, avalia de decide sobre pedido do PSDB por uma auditoria no resultado do 2° turno ou remete o caso ao plenário da Corte.

Orçamento impositivo – plenário da Câmara deve colocar em votação PEC que torna obrigatório o pagamento das emendas parlamentares. Parte dos congressistas quer derrubar a determinação para que metade dos recursos sejam obrigatoriamente destinados à saúde.

Presidência da Câmara – Eduardo Cunha, líder da bancada do PMDB, discute com líderes do “blocão” o apoio à sua candidatura a presidente da Câmara e a PEC que eleva de 70 para 75 anos a idade-limite para aposentadoria nos tribunais.

Dirceu em liberdade – José Dirceu deve participar de audiência na Vara de Execuções Penais e Medidas Alternativas de Brasília e ser liberado para cumprir o resto de sua pena em casa.

Pizzolato fala – Henrique Pizzolato, ex-diretor do Banco do Brasil condenado no processo do mensalão, concede coletiva de imprensa em Módena, na Itália.

Indústria – IBGE divulga dados da produção industrial em setembro.

Eleições nos EUA – norte-americanos escolhem o novo Congresso. Segundo pesquisas, os democratas devem perder a maioria que detém no Senado. Desfecho terá impacto no mandato do presidente Barack Obama.

Reforma política – CUT e movimentos sociais fazem mobilização no vão livre do MASP para pressionar o Congresso a convocar um plebiscito para a reforma política.

Contas de campanha – último dia para os candidatos, comitês financeiros e partidos políticos encaminharem à Justiça Eleitoral as prestações de contas referentes ao primeiro turno, salvo as dos candidatos que concorreram ao segundo turno.

STF julga políticos – está na pauta da 1ª Turma do Supremo inquéritos contra os deputados Abelardo Camarinha (PSB-SP) e Arnaldo Jordy (PPS-PA). NA 2a turma, está pautado um inquérito contra o deputado Édio Lopes (PMDB-RR) .

Direitos humanos – Cátedra Unesco lança a Cartografia dos Direitos Humanos de São Paulo, projeto que mapeia marcos da capital paulista associados à luta pelos direitos humanos.

4ª feira (5.nov.2014)

Tucanos reunidos – Executiva nacional do PSDB reúne-se em Brasília. Líderes, senadores, deputados e governadores eleitos discutem como inserir Aécio Neves no debate pós-eleitoral e a disputa para o comando da Câmara e do Senado. Aécio deve comandar o encontro.

PMDB reunido – Conselho Nacional da legenda reúne-se para discutir propostas de reforma política e a participação da legenda no segundo mandato de Dilma Rousseff. No Hotel Nacional, em Brasília.

Dívidas dos Estados – Renan Calheiros (PMDB-AL), presidente do Senado, pretende colocar em pauta projeto de lei que muda o indexador das dívidas dos Estados com a União.

Contas de campanha – TSE realiza audiência publica para discutir novas regras para prestação de contas. Foram convidados partidos políticos, congressistas, advogados e promotores, entre outros. A Justiça Eleitoral propõe que os partidos passem a ter uma conta específica para receber doações para campanhas.

Reforma política – Henrique Eduardo Alves (PMDB-RN), presidente da Câmara, articula para que a Comissão de Constituição e Justiça aprove a admissibilidade da proposta do Grupo de Trabalho da Reforma Política, que acaba com a reeleição e o voto obrigatório, define teto de despesa nas campanhas e muda as regras das coligações.

Petrobras – CPI Mista da Petrobras define agenda de novos depoimentos.

Biografias – Comissão de Constituição e Justiça do Senado pode votar projeto de lei que libera a publicação de biografias não autorizadas.

Emprego – FGV divulga indicadores de emprego e desemprego.

Sabatina com Mangabeira – “Folha” sabatina Mangabeira Unger, ex-ministro de Assuntos Estratégicos do governo Lula e professor da Faculdade de Direito de Harvard. Às 11h, na sede da “Folha”, em SP.

5ª feira (6.nov.2014)

Inflação – FGV divulga o IGP-DI de outubro e Dieese apresenta resultados da Pesquisa Nacional da Cesta Básica.

6ª feira (7.nov.2014)

Construção civil – IBGE divulga índices da construção civil.

Inflação – IBGE apresenta resultado do INPC.

Custo de vida – Dieese divulga pesquisa sobre o índice de custo de vida na cidade de São Paulo.

Sábado (8.nov.2014)

Chioro e Ciro – Arthur Chioro, ministro da Saúde, lança em Fortaleza a Campanha Nacional contra a Paralisia Infantil. Ciro Gomes, secretário de Saúde do Ceará, participa.

Domingo (9.nov.2014)

Espanha – Catalunha promove referendo para decidir sobre sua independência. O governo central espanhol tenta impugnar na Justiça a consulta.



Jose Mauricio dos Santos
Autor: Jose Mauricio dos Santos
Jornalista, Cientista Político e especialista em Marketing Político.

Deixe uma resposta